Brasil

Memorial das Ligas Camponesas

Em 2006, foi fundada a ONG Memorial das Ligas e Lutas Camponesas, com sede na comunidade de Barra de Antas, no município de Sapé, Paraíba, Brasil, na casa onde residia a família de Elizabeth e João Pedro Teixeira, dois líderes das Ligas Camponesas que foram perseguidos e tiveram suas histórias dilaceradas pela ditadura militar brasileira.

Esta instituição museológica nasceu dos esforços de um coletivo de trabalhadores do campo, com a colaboração efetiva de agentes pastorais (principalmente da Comissão Pastoral da Terra – CPT), de militantes de movimentos sociais populares do campo, professores e estudantes extensionistas vinculados a Universidade Federal da Paraíba e de outros profissionais comprometidos com a causa dos camponeses e a preservação da memória.

Entre seus objetivos, encontra-se:

– Desenvolvimento de ações técnicas referenciadas na perspectiva histórica e sócio-antropológica, dando prioridade à preservação, recuperação e disseminação das Ligas Camponesas;

– Elaborar e implementar ações programáticas sob a abordagem preservacionista, orientada para a valorização da cultura local;

– Promover atividades de integração social nas escolas, comunidades e entidades similares;

– Promoção de projetos para implantação de turismo cultural, cursos e atividades artísticas;

– Implementação e desenvolvimento de processos museológicos inerentes à identificação, estudo, conservação, documentação, exposição, ação sócio-educativa e expressões culturais de material relacionado com as Ligas Camponesas;

– Criação de monumentos para a preservação da memória das lutas no campo.

Para isso, em seu programa de ação educativa, além das visitas ao Memorial, que atualmente é feito por agricultores voluntários, desenvolve ações de:

– Sensibilização com as trabalhadoras e os trabalhadores do campo, especialmente as novas gerações de acampamentos e assentamentos da reforma agrária, partindo dos trabalhos de Educação Popular e de Extensão Popular, realizados nos assentamentos da região, com o efetivo compromisso com a promoção e solidariedade com a causa dos camponeses;

– Criação de um programa de formação contínua com os trabalhadores masculinos e femininos, tanto do ponto de vista formal (por exemplo, mediante a criação, em Barra de Antas, de uma unidade da Escola Família Agrícola) e não-formal, com várias formações, tais como economia solidária;

– Buscar alianças com grupos envolvidos com pesquisas e estudos que priorizem práticas e conhecimentos camponeses contextualizados.

 

Site
http://www.ligascamponesas.org.br/

Endereço
Memorial das Ligas Camponesas, Sapé - Paraíba, Brasil